quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Dorsalgia: Causas, Sintomas e Tratamento com RPG





A região torácica está localizada entre duas outras regiões da coluna vertebral (a cervical e a lombar) e compreende 12 vértebras. Qualquer dor nessa região pode ser considerada uma dorsalgia.

Conheça as principais causas para a Dorsalgia

A dor que caracteriza a dorsalgia é, na maioria das vezes, proveniente de músculos, articulações, nervos, ossos ou outras estruturas próximas à coluna torácica. Dentre as causas, podemos citar as de natureza:

Traumática: é o caso de distensões musculares, fraturas ou contusões na região dorsal, atividades em posições inadequadas, esforço físico exagerado ou quedas;

Degenerativa: quando ocorre a degeneração dos corpos vertebrais, discos intervertebrais e facetas-articulares, normalmente, em virtude do envelhecimento natural;

Tumores: alguns tumores (malignos ou benignos) podem contribuir para o surgimento de dorsalgia.

Outros sintomas também podem acompanhar a dorsalgia, como a dificuldade para respirar, a sensação de “pontadas” no tórax e a queimação nas costas.

O Diagnóstico

Antes de iniciar qualquer tratamento, o profissional precisa obter um diagnóstico preciso do quadro do paciente. No exame é indispensável a avaliação da coluna inteira, identificando a existência de deformidades, contraturas musculares e possíveis limitações de determinados movimentos. E, a partir dessa primeira etapa, o tratamento a ser empregado deverá levar em consideração o quadro específico daquele paciente e os fatores causais da dorsalgia.

Tratamento para a Dorsalgia

Existem diferentes formas de tratamento para a dorsalgia, mas a fisioterapia tem se revelado bastante eficaz na melhora da qualidade de vida dos pacientes com essa patologia. A RPG, por exemplo, é um método fisioterapêutico bastante indicado para quem sofre com a dorsalgia. O especialista avalia o paciente de forma global e todos os movimentos a serem realizados, direcionam-se às necessidades individuais de cada pessoa que apresenta.

O trabalho com a Reeducação Postural Global ajuda no alongamento de músculos encurtados responsáveis pela alteração postural e consequentes queixas de dor do paciente. As sessões são realizadas com movimentos progressivos, de acordo com as respostas do paciente ao tratamento e sem ultrapassar determinadas limitações que apresente. O objetivo aqui não é só afastar os sintomas da doença, mas tratar o próprio indivíduo (ampliando sua consciência corporal) para o evitar o surgimento de novas dores.

Fonte: Terapia Manual